quarta-feira, janeiro 31

Os prensípios

A nossa língua é maltratada todos os dias, em público ou em privado, por leigos ou literatos. São várias as pragas que por aí grassam, desde o "de que" por tudo e por nada, ao maciça em vez de massiva, passando pela já velhinha troca do lugar do pronome ("tentei-lhe explicar" Vs. "tentei explicar-lhe"), etc, etc, etc. Como sou picuinhas com essas coisas, não resisto a deitar ocasionalmente algum ácido sobre o tema.

Ultimamente tenho ouvido falar muito dos prensípios. Como só ouvi não tenho certezas sobre a grafia, mas é uma coisa que aparentemente muita gente tem, e muita gente acha que toda a gente devia ter. Não sei, terá alguma coisa a ver com prensas? Será uma espécie de assembleia ou lugar de reunião dos operários das prensas? Prensípio... Ou então um cemitério de prensas, será? Assim só de ouvido não estou a ver. Vou escutar melhor os habitantes deste país, pode ser que entenda.

Etiquetas: