quinta-feira, dezembro 27

Blocos de parto e SAPs

Só para informar que eu sou dos poucos neste país (pelos vistos) que está totalmente com o ministro da saúde no que à reorganização da rede de urgências e blocos de parto concerne. E não, não sou nenhum monstro sádico que gosta de ver as pessoas a sofrer a caminho duma urgência. Simplesmente resisto à indignação fácil, tento informar-me sobre os assuntos e adoptar sobre eles opiniões racionais com recurso ao espírito crítico e juízo autónomo.

Se quiserem discutir, vamos a isso, tragam uma mini.

Etiquetas: ,

4 Comentários:

Blogger Claricinha disse...

"...adoptar sobre eles opiniões racionais com recurso ao espírito crítico e juízo autónomo."

Como é que se adopta esse espírito de que falas enquanto se faz a viagem de duas horas, em sofrimento, até ao centro de saúde ou hospital mais próximo?

18:57  
Blogger Vasco Figueira disse...

Enquanto se faz uma viagem de ambulância que se lixe o espírito crítico.

Quando se tomam decisões, é essencial.

Misturar as duas coisas é demagogia.

19:14  
Blogger HR disse...

Demagogia é o que este Governo tem feito, nas questões da saúde (cujo sistema público tem vindo a destruir, peça a peça - desinvestindo e encerrando serviços sem que existam reais alternativas) e não só!
As populações só se manifestam porque:
a) não têm mais nada para fazer;
b) é giro;
c) o PC as manipula

19:33  
Blogger Vasco Figueira disse...

As populações manifestam-se porque sentem que a sua condição piora e não entendem o porquê.

Nalguns casos é uma percepção errada simplesmente (a sua condição até melhora), noutros efectivamente piora, mas isso não significa que as decisões tomadas sejam erradas. Elas são, no cômputo geral, bastante positivas.

20:28  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial